Sopa Paraguaia: a sopa que não é sopa. Mas é deliciosa

Sopa Paraguaia é uma delicia muito conhecida no Paraguai e que causa estranheza quando vemos pela primeira vez. É que a tal “sopa” paraguaia não é liquida. Na verdade ela mais parece uma torta.

Mas… porque Sopa Paraguaia ?!

Reza a lenda que durante a guerra, eles levavam uma sopa substanciosa para se alimentar. … Como não era nada prático transportar um alimento líquido, os soldados iram colocando milho e mais milho criando uma verdadeira torta. Originalmente era uma Sopa e por isso o nome permaneceu.

Mas existem pelo duas outras versões para o fato de este prato receber o nome de “sopa”, quando se trata na verdade de uma torta de milho com queijo e cebola.

sopa paraguaia
Sopa Paraguaia

Sopa Paraguaia a Sopa que não é sopa

Outra teoria é de que o termo “sopa”, para os paraguaios da fronteira com o MS, significa “torta”, e o que nós brasileiros chamamos de “sopa” eles denominam “ensopado”.

A terceira versão é de que a massa desta torta, antes de ser assada, é bastante líquida, muito mais do que as massas de tortas comuns, parecendo mesmo uma sopa. Teorias à parte, o fato é que esta é realmente uma comida deliciosa e bem fácil de fazer, então vamos lá:

sopa paraguaia
Sopa Paraguaia

Ingredientes para a Sopa Paraguaia

  • 2 colheres (sopa) de óleo
  • 2 cebolas grandes em rodelas
  • 4 xícaras (chá) de Leite Líquido MOLICO® Total Cálcio
  • 1 tablete de MAGGI® Caldo Legumes
  • 2 xícaras (chá) de fubá de milho ou flocos de milho pré-cozidos
  • 3 xícaras (chá) de queijo minas frescal ralado grosso
  • 5 ovos separados as claras e as gemas
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de preparo da Sopa Paraguaia

Em uma panela, aqueça o óleo e frite a cebola até murchar.

Junte o Leite MOLICO, o MAGGI Caldo e espere aquecer, dissolvendo o Caldo.

Acrescente o fubá ou os flocos de milho aos poucos, mexendo sempre até obter um angu.

Retire do fogo, junte o queijo minas frescal e as gemas e misture bem.

Em uma batedeira, bata as claras em neve.

Misture delicadamente, com os outros ingredientes e o fermento.

Despeje em um refratário grande (22 x 35 cm), untado com óleo, e leve para assar em forno médio-alto (200 °C), preaquecido, até dourar e ficar firme (cerca de 40 minutos).

Retire do forno e sirva a seguir.

Dica

– Se você utilizar fubá, deve deixar o angu mais tempo no fogo, até que esteja cozido.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DESTAS SUGESTÕES ABAIXO

Deixe uma resposta