The Mamas and Papas – California Dreamin and All the Best

The Mamas and Papas – California Dreamin and All the Best

The playlist identified with the request's playlistId parameter cannot be found.

O The Mamas & The Papas foi uma das únicas bandas norte-americanas a conseguir manter o sucesso e a par de poder competir com a Invasão Britânica. O grupo gravou e se apresentou de 1965 a 1968, lançando cinco álbuns e legou dez sucessos entre os compactos mais vendidos.

O grupo teve bastante sucesso, que se deve as belas harmonizações vocais, acompanhamento em estúdio, de seus discos, por músicos profissionais, e a sua participação na contracultura sessentista. O grupo também deixou um legado de excelentes releituras de vários sucessos de outros artistas dos anos 1960, como “I Call Your Name”, “Do You Wanna Dance?”, “My Girl” e “Twist and Shout”.

História

O nome The Mamas & The Papas surgiu inspirado por um programa de televisão, em que seus integrantes assistiam a uma entrevista com alguns Hell’s Angels e um deles disse que chamavam suas mulheres de ‘mammas’, o que bastou para que Cass e Michelle quisessem ser ‘mammas também, sobrando então para John e Denny serem os ‘papas’.

Em 1966, o grupo lançou seu primeiro álbum, If You Can Believe Your Eyes and Ears, que trazia dois dos seus maiores sucessos, “California Dreaming” e “Monday, Monday”, e atingiu o primeiro lugar nas paradas americanas. Em 2003, a revista especializada em música Rolling Stone listou este álbum na 127ª posição entre os 500 melhores de todos os tempos.

John Phillips casou-se com Michelle Gillian (Michelle Phillips é nome artístico de Holly Michelle Gilliam) em 1962. Depois do início do sucesso do grupo, Michelle e Denny Doherty, o principal vocalista, começaram um romance que mativeram em segredo dos outros membros do grupo, até ser descoberto pelo marido John. Posteriormente, Michelle acabou se envolvendo com Gene Clark do grupo The Byrds. Com isso, John Philips consultou advogados, e Michelle acabou sendo formalmente demitida do grupo em 1966. Para seu lugar foi contratada Jill Gibson, antes do lançamento do segundo álbum chamado The Mamas & The Papas.

O álbum trouxe os sucessos Dancing in the StreetWords Of Love e Dedicated To The One I Love e atingiu o quarto lugar nas paradas de sucesso americanas. Como os fãs não aceitaram muito Jill, o grupo aceitou Michelle de volta ainda em 1966. John e Michelle acabaram se reconciliando pouco tempo depois.

Em 1967, lançaram o álbum Deliver, que foi segundo lugar nas paradas dos mais vendidos e trouxe alguns sucessos como “My Girl” e “Creeque Alley”. Neste mesmo ano, John Philips ajudou a organizar o Festival de Monterey Pop, no qual o grupo se apresentou, uma de suas últimas apresentações ao vivo.

O fim do The Mamas & Papas

Ainda em 1967, após uma discussão com John Phillips, Mama Cass abandonou o grupo e só uniu-se ao grupo um ano mais tarde para gravação do último álbum por exigência contratual. O quarto álbum do grupo atingiu o décimo quinto lugar nas paradas e conseguiu algum sucesso com “Dream a Little Dream of Me”, que foi creditado como sendo gravado por Mama Cass with The Mamas and The Papas e é cantada apenas por ela.

Em 1971, a gravadora do grupo exigiu a gravação de mais um disco, People Like Us, que pode ser considerado como um quase-retorno do grupo.

LEIA MAIS AQUI

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE DISTO:

https://oldgold.com.br/bobby-vinton-o-cantor-romantico-daquele-inicio-dos-anos-60/
Bobby Vinton: Lindas Baladas dos anos 60

 

Deixe uma resposta