Vamos dançar Twist de novo ?!

Era 1962…. eu ainda completaria meus 10 anos de idade só em novembro.
Naquela semana iria ter um bailinho na casa da Nilce. O primeiro baile de minha vida. Mas eu tremia só de vergonha de pesar em dançar música lenta.
Como alternativa, recém chegara ao Brasil uma dança chamada Twist…O Zé Carlos sabia dançar muito bem…. Não deu outra.
Lembro-me perfeitamente das aulas pacientes que o Zé me dava no espaço da cozinha da Vó Maria…..
E assim que fui lá, no sábado, meio metido à besta e esperando acabar o “La Mer” com Ray Conniff para, então, poder arrepiar com os “mais novos passos” do Twist.
Sinceramente… não sei dizer se tive coragem de requebrar sequer um Twist. Dança lenta… nem pensar !
Mas lembro-me perfeitamente daquele dia em que Zé Carlos me levou na casa da Tia Bepa e do tio Belardo, lá perto da linha do trem. Eles eram pais do Fernando.
O Zé havia emprestado um compacto do Chubby Checker para ele, e fomos lá buscar: MEU PRIMEIRO DISCO.
Tenho-o esse compacto hoje comigo.
Qualquer ora destas, se meu joelho permitir, afasto as cadeiras da sala, ponho Chubby pra cantar e vou dançar os passos da nova dança “Let’s Twist Again”.

  • Come on Lets Twist Again !

OUÇA TAMBÉM

Deixe uma resposta